Notícias

Solarprime Energia Solar: “Estamos no CRT-SP”

  • 27 de julho de 2021

Após reunião entre representantes do CRT-SP e da Solarprime Energia Solar, empresa concretiza registro no conselho de maneira a atender seus franqueados em todo o país

 Primeira reunião com representantes da Solarprime Energia Solar em Campinas: rede de franquia geradora de serviços técnicos

Limpa, sustentável, renovável e econômica. Não faltam adjetivos para descrever o que é e representa a energia solar para o futuro energético do país; não à toa, a cada dia esse nicho de mercado atrai novos investidores – muitos deles, pequenos empreendedores – e conquista mais consumidores, também cientes da importância do desenvolvimento sustentável para a preservação do planeta. “Somente em 2020, o setor de energia solar de geração distribuída cresceu 113%, passando de 180 para 386 mil unidades consumidoras”, aponta o site da Solarprime Energia Solar, rede de franquia voltada para a consultoria e fornecimento de equipamentos para pequenas, médias e grandes empresas geradoras de energia solar, com franqueados em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal. “Outros fatores que aceleram o setor são os incentivos governamentais, como as linhas de financiamento de energia solar, inclusive para pessoas físicas”, continua.

Em maio de 2021 representantes do Conselho Regional dos Técnicos Industriais do Estado de São Paulo (CRT-SP) se dirigiram até Campinas para participar de uma reunião solicitada pela própria empresa que, direta ou indiretamente, emprega grande contingente de profissionais técnicos e propicia muitas oportunidades de negócios. Representada pela advogada Viviane Legname Marques e o responsável técnico Paulo Sérgio Uchoa Barroso – que também é engenheiro –, a ideia da empresa por intermédio do registro no conselho é ter maior controle sobre os serviços de ordem técnica executados pelos franqueados, mantendo sempre a qualidade e focada para alcançar um nível de atendimento cada vez mais satisfatório ao consumidor final. “Claro que os franqueados, sejam de lugares pequenos ou grandes centros, podem indicar seus respectivos responsáveis técnicos; porém, gostaríamos de manter esse corpo técnico sob nosso controle, garantido assim que somente profissionais habilitados executem os serviços”, explica a advogada, deixando clara a intenção de agir em conformidade com os dispositivos da legislação em vigor.

Rubens de Campos e Roseli Maria Lima, respectivamente gerente de exercício profissional e supervisora de registro e atendimento à pessoa jurídica, fizeram uma explanação geral sobre o CRT-SP, elucidaram diversas dúvidas surgidas durante a reunião e se comprometeram a analisar todos os aspectos junto à diretoria executiva em busca de uma solução viável que possa atender as necessidades da empresa. Por falar em diretoria executiva, a reunião contou também com a participação e apontamentos do diretor de fiscalização e normas Rubens dos Santos. O registro fotográfico e jornalístico ficou a cargo do assessor de comunicação José Donizetti Morbidelli, que aproveitou a oportunidade para falar sobre a plataforma online Técnico que Faz, desenvolvida para conectar profissionais técnicos prestadores de serviços com empresas e a sociedade em geral; e também dos eventos realizados pelo CRT-SP em apoio ao empreendedorismo no setor técnico.

Desfecho – Após as devidas análises, por meio de ofício o CRT-SP teceu diversas considerações no sentido de orientar os representantes da empresa quanto ao registro da empresa e seus franqueados no Sistema CFT/CRT com base nas leis, decretos e resoluções. E as partes chegaram a um “denominador comum”, por assim dizer. “Desde sua criação, a Solarprime Energia Solar sempre teve uma forte conexão em respeito às normas técnicas e à busca pela excelência de seus projetos; e o crescimento e expansão no território nacional atestam essa condição. Assim, essa ‘parceria’ com o CRT-SP é mais um passo pelo constante aprimoramento técnico e, ao mesmo tempo, para proporcionar oportunidades de emprego, renda e crescimento profissional por meio da energia solar fotovoltaica a milhares de brasileiros”, declara Paulo Sérgio Uchoa Barroso, ciente e defensor da profissão técnica consolidada no país como a maneira mais democrática geração de trabalho nas áreas tecnológicas. “Estamos no CRT-SP”, crava

Últimas notícias

Quinta-feira, 16 de setembro de 2021: chega ao fim a Semana do Técnico Industrial: “O Mundo Pós-Pandemia”

Painel “Mercado de Trabalho” marca o encerramento do evento, com a participação de representantes de empresas, palestras e anúncio sobre acordo de cooperação do CRT-SP…
Ler mais...

Quarta-feira, 15 de setembro de 2021: “CRT-SP perto de você”

Muitas atividades no penúltimo dia de evento: palestra orientativa para alunos de escolas técnicas, descentralização e fiscalização, webinário com certificado e oportunidades para técnicos em…
Ler mais...

Terça-feira, 14 de setembro de 2021: um dia dedicado à inclusão

Painel: “Inclusão no Mercado de Trabalho”; em destaque palestras de Sílvia Greco e Célia Leão, com projetos de inclusão e desafios da empregabilidade das pessoas…
Ler mais...

Solarprime Energia Solar: “Estamos no CRT-SP”

  • 27 de julho de 2021

Após reunião entre representantes do CRT-SP e da Solarprime Energia Solar, empresa concretiza registro no conselho de maneira a atender seus franqueados em todo o país

 Primeira reunião com representantes da Solarprime Energia Solar em Campinas: rede de franquia geradora de serviços técnicos

Limpa, sustentável, renovável e econômica. Não faltam adjetivos para descrever o que é e representa a energia solar para o futuro energético do país; não à toa, a cada dia esse nicho de mercado atrai novos investidores – muitos deles, pequenos empreendedores – e conquista mais consumidores, também cientes da importância do desenvolvimento sustentável para a preservação do planeta. “Somente em 2020, o setor de energia solar de geração distribuída cresceu 113%, passando de 180 para 386 mil unidades consumidoras”, aponta o site da Solarprime Energia Solar, rede de franquia voltada para a consultoria e fornecimento de equipamentos para pequenas, médias e grandes empresas geradoras de energia solar, com franqueados em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal. “Outros fatores que aceleram o setor são os incentivos governamentais, como as linhas de financiamento de energia solar, inclusive para pessoas físicas”, continua.

Em maio de 2021 representantes do Conselho Regional dos Técnicos Industriais do Estado de São Paulo (CRT-SP) se dirigiram até Campinas para participar de uma reunião solicitada pela própria empresa que, direta ou indiretamente, emprega grande contingente de profissionais técnicos e propicia muitas oportunidades de negócios. Representada pela advogada Viviane Legname Marques e o responsável técnico Paulo Sérgio Uchoa Barroso – que também é engenheiro –, a ideia da empresa por intermédio do registro no conselho é ter maior controle sobre os serviços de ordem técnica executados pelos franqueados, mantendo sempre a qualidade e focada para alcançar um nível de atendimento cada vez mais satisfatório ao consumidor final. “Claro que os franqueados, sejam de lugares pequenos ou grandes centros, podem indicar seus respectivos responsáveis técnicos; porém, gostaríamos de manter esse corpo técnico sob nosso controle, garantido assim que somente profissionais habilitados executem os serviços”, explica a advogada, deixando clara a intenção de agir em conformidade com os dispositivos da legislação em vigor.

Rubens de Campos e Roseli Maria Lima, respectivamente gerente de exercício profissional e supervisora de registro e atendimento à pessoa jurídica, fizeram uma explanação geral sobre o CRT-SP, elucidaram diversas dúvidas surgidas durante a reunião e se comprometeram a analisar todos os aspectos junto à diretoria executiva em busca de uma solução viável que possa atender as necessidades da empresa. Por falar em diretoria executiva, a reunião contou também com a participação e apontamentos do diretor de fiscalização e normas Rubens dos Santos. O registro fotográfico e jornalístico ficou a cargo do assessor de comunicação José Donizetti Morbidelli, que aproveitou a oportunidade para falar sobre a plataforma online Técnico que Faz, desenvolvida para conectar profissionais técnicos prestadores de serviços com empresas e a sociedade em geral; e também dos eventos realizados pelo CRT-SP em apoio ao empreendedorismo no setor técnico.

Desfecho – Após as devidas análises, por meio de ofício o CRT-SP teceu diversas considerações no sentido de orientar os representantes da empresa quanto ao registro da empresa e seus franqueados no Sistema CFT/CRT com base nas leis, decretos e resoluções. E as partes chegaram a um “denominador comum”, por assim dizer. “Desde sua criação, a Solarprime Energia Solar sempre teve uma forte conexão em respeito às normas técnicas e à busca pela excelência de seus projetos; e o crescimento e expansão no território nacional atestam essa condição. Assim, essa ‘parceria’ com o CRT-SP é mais um passo pelo constante aprimoramento técnico e, ao mesmo tempo, para proporcionar oportunidades de emprego, renda e crescimento profissional por meio da energia solar fotovoltaica a milhares de brasileiros”, declara Paulo Sérgio Uchoa Barroso, ciente e defensor da profissão técnica consolidada no país como a maneira mais democrática geração de trabalho nas áreas tecnológicas. “Estamos no CRT-SP”, crava

Últimas notícias

Quinta-feira, 16 de setembro de 2021: chega ao fim a Semana do Técnico Industrial: “O Mundo Pós-Pandemia”

Painel “Mercado de Trabalho” marca o encerramento do evento, com a participação de representantes de empresas, palestras e anúncio sobre acordo de cooperação do CRT-SP…
Ler mais...

Quarta-feira, 15 de setembro de 2021: “CRT-SP perto de você”

Muitas atividades no penúltimo dia de evento: palestra orientativa para alunos de escolas técnicas, descentralização e fiscalização, webinário com certificado e oportunidades para técnicos em…
Ler mais...

Terça-feira, 14 de setembro de 2021: um dia dedicado à inclusão

Painel: “Inclusão no Mercado de Trabalho”; em destaque palestras de Sílvia Greco e Célia Leão, com projetos de inclusão e desafios da empregabilidade das pessoas…
Ler mais...