Notícias

Série “Profissões Técnicas”: Técnico em Soldagem

  • 26 de junho de 2020

No passado a soldagem era realizada pelo aquecimento dos metais a serem fixados; na atualidade, são vários processos, desde manuais até robotizados

Série “Profissões Técnicas”: o que faz o Técnico em Soldagem?

Com a colaboração do professor Edilson Rafael Milaré, diretor da Escola SENAI Nadir Dias de Figueiredo em Osasco, o Conselho Regional dos Técnicos Industriais do Estado de São Paulo (CRT-SP) apresenta mais uma modalidade na série “Profissões Técnicas”. Mas, afinal, o que faz o Técnico em Soldagem?

De forma bem resumida, soldagem – ou soldura – é o nome que se dá ao processo de unir metais, que se tornou mais fácil, rápido e eficaz com o uso da eletricidade; pois, nos primórdios do século 20 a soldagem era feita com o aquecimento das peças a serem consertadas, martelando-as até se fixarem adequadamente.

Um dos profissionais habilitados para essa atividade é o Técnico em Soldagem, que também pode planejar, operar e coordenar a execução de atividades de soldagem em estruturas metálicas e tubulações industriais, de acordo com a programação da produção.

É responsável ainda por executar a elaboração de projetos; selecionar processos de soldagem, metais de base e consumíveis; executar ensaios para garantir a qualidade dos produtos soldados e a automatização dos processos; calibrar equipamentos utilizando processos de soldagem e corte – manuais, semiautomáticos, automáticos/robotizados –, como eletrodos revestidos, TIG (Tungsten Inert Gas, em ingles), MIG MAG (Metal Inert Gas Metal Active Gas, em inglês), oxigás, arco submerso, brasagem e plasma, além de aplicar procedimentos de soldagem e inspecionar processos de fabricação.

Quanto ao campo de atuação, o Técnico em Soldagem tem possibilidade de trabalhar em indústria petrolífera, petroquímica, papel e celulose, metalúrgica, metalmecânica, indústria naval, construção civil, automobilística, indústria de transformação e caldeiraria.

Identificou-se com as características dessa profissão? Então, procure uma escola técnica e seja um profissional da área.

Últimas notícias

Consulta pública sobre o Catálogo Nacional de Cursos Técnicos

Participe da consulta pública da versão preliminar e colabore para melhorar o novo CNCT; prazo é até 10 de julho de 2020 Prazo para a…
Ler mais...

O que esperar do mercado de trabalho pós-COVID?

Ser Técnico Industrial, informativo oficial do CRT-SP, apresenta um panorama sobre o futuro dos empregos após a pandemia de coronavírus Seção Habilidades do Futuro do…
Ler mais...

Discorde totalmente do PDL nº 304/2020: “Não vamos desistir de nossas conquistas”

Continue votando “Discordo Totalmente” na enquete da Câmara dos Deputados para que sejam mantidas as atribuições dos Técnicos em Mecânica “NÃO VAMOS DESISTIR DE NOSSAS…
Ler mais...

Série “Profissões Técnicas”: Técnico em Soldagem

  • 26 de junho de 2020

No passado a soldagem era realizada pelo aquecimento dos metais a serem fixados; na atualidade, são vários processos, desde manuais até robotizados

Série “Profissões Técnicas”: o que faz o Técnico em Soldagem?

Com a colaboração do professor Edilson Rafael Milaré, diretor da Escola SENAI Nadir Dias de Figueiredo em Osasco, o Conselho Regional dos Técnicos Industriais do Estado de São Paulo (CRT-SP) apresenta mais uma modalidade na série “Profissões Técnicas”. Mas, afinal, o que faz o Técnico em Soldagem?

De forma bem resumida, soldagem – ou soldura – é o nome que se dá ao processo de unir metais, que se tornou mais fácil, rápido e eficaz com o uso da eletricidade; pois, nos primórdios do século 20 a soldagem era feita com o aquecimento das peças a serem consertadas, martelando-as até se fixarem adequadamente.

Um dos profissionais habilitados para essa atividade é o Técnico em Soldagem, que também pode planejar, operar e coordenar a execução de atividades de soldagem em estruturas metálicas e tubulações industriais, de acordo com a programação da produção.

É responsável ainda por executar a elaboração de projetos; selecionar processos de soldagem, metais de base e consumíveis; executar ensaios para garantir a qualidade dos produtos soldados e a automatização dos processos; calibrar equipamentos utilizando processos de soldagem e corte – manuais, semiautomáticos, automáticos/robotizados –, como eletrodos revestidos, TIG (Tungsten Inert Gas, em ingles), MIG MAG (Metal Inert Gas Metal Active Gas, em inglês), oxigás, arco submerso, brasagem e plasma, além de aplicar procedimentos de soldagem e inspecionar processos de fabricação.

Quanto ao campo de atuação, o Técnico em Soldagem tem possibilidade de trabalhar em indústria petrolífera, petroquímica, papel e celulose, metalúrgica, metalmecânica, indústria naval, construção civil, automobilística, indústria de transformação e caldeiraria.

Identificou-se com as características dessa profissão? Então, procure uma escola técnica e seja um profissional da área.

Últimas notícias

Consulta pública sobre o Catálogo Nacional de Cursos Técnicos

Participe da consulta pública da versão preliminar e colabore para melhorar o novo CNCT; prazo é até 10 de julho de 2020 Prazo para a…
Ler mais...

O que esperar do mercado de trabalho pós-COVID?

Ser Técnico Industrial, informativo oficial do CRT-SP, apresenta um panorama sobre o futuro dos empregos após a pandemia de coronavírus Seção Habilidades do Futuro do…
Ler mais...

Discorde totalmente do PDL nº 304/2020: “Não vamos desistir de nossas conquistas”

Continue votando “Discordo Totalmente” na enquete da Câmara dos Deputados para que sejam mantidas as atribuições dos Técnicos em Mecânica “NÃO VAMOS DESISTIR DE NOSSAS…
Ler mais...