Notícias

José Avelino Rosa: experiência compartilhada

  • 4 de abril de 2019

Vice-presidente do CRT-SP visita ETEC Fernando Prestes em Sorocaba para um bate-papo informal com professores e alunos 

José Avelino Rosa: “Somos os profissionais do ‘saber e do fazer’ e amamos a nossa profissão”

No dia 1º de abril de 2019, José Avelino Rosa esteve na Escola ETEC Fernando Prestes em Sorocaba numa palestra informal – uma espécie de bate-papo – para professores e dezenas de alunos, principalmente do curso de edificações. Na explanação ele fez uma breve recapitulação do movimento dos técnicos, destacando as principais conquistas até a sanção presidencial da Lei nº 13.639/2018, que cria o Conselho Federal dos Técnicos Industriais (CFT) e os Conselhos Regionais dos Técnicos Industriais (CRTs).

Para comprovar o grande avanço do ensino técnico, ele apresentou dados coletados pela diretora administrativa do CRT-SP, Sandra Zamboli Fontana, junto à Secretaria da Educação do Estado de São Paulo: 635 instituições com cursos técnicos regulares, sendo que aproximadamente das escolas 1/3 são administradas pelo Centro Paula Souza (CPS), beneficiando cerca de 210 mil estudantes formando mais de 10 mil técnicos a cada ano. “Tem um trabalho enorme pela frente para proporcionar aos técnicos uma diretriz de responsabilidade e consciência, mostrando à sociedade que somos profissionais de grande conhecimento”, revela o Técnico em Edificações, Técnico em Máquina e Motores e vice-presidente do Conselho Regional dos Técnicos Industriais do Estado de São Paulo (CRT-SP), elencando alguns atributos imprescindíveis para o bom desempenho profissional: capacidade, responsabilidade, respeito, ética e consciência dos direitos e deveres. “Somos os profissionais do ‘saber e do fazer’ e amamos a nossa profissão”, conclui, diferenciando os técnicos de outras modalidades.

O CRT-SP está trabalhando na elaboração de uma série de palestras oficiais, que em breve serão apresentadas nas escolas técnicas, empresas e órgãos públicos do estado, esclarecendo as atribuições do conselho e da importância dos profissionais se registrarem para exercer a profissão dentro dos parâmetros legais.

José Avelino Rosa é um dos precursores do movimento dos técnicos, tanto que presidiu a primeira assembleia de fundação da Associação Profissional dos Técnicos Industriais do Estado de São Paulo (ATESP) em 18 de agosto de 1979, quando os Técnicos em Edificações lutavam pelo direito de elaborar e executar projetos até 120m2. Trabalhou no setor administrativo da Prefeitura de Sorocaba, onde retornou posteriormente como responsável por contratos e execução de obras; nas áreas mecânica e civil da LIGHT Serviços de Eletricidade S.A.; e exerceu outras atividades profissionais e classistas. Foi também membro do Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e do Conselho da Comunidade de Sorocaba.

Comentar